terça-feira, 18 de outubro de 2011

Secretário municipal de serviços públicos de Maringá é afastado do cargo pela justiça:

Vagner Mussio, três funcionários públicos e dois empresários foram denunciados criminalmente pelo MP-PR

O Ministério Público do Paraná, a partir de investigações do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) e da Promotoria de Justiça de Proteção do Patrimônio Público de Maringá, propôs denúncia criminal contra o secretário municipal de Serviços Públicos Vagner Mussio, três funcionários públicos e dois empresários pelos crimes de corrupção ativa, corrupção passiva, peculato, prevaricação, condescendência criminosa. O MP-PR requereu liminarmente o afastamento dos servidores denunciados de suas funções públicas durante a tramitação do processo, o que foi concedido pela Justiça (inclusive o secretário). 

A ação penal foi recebida pelo Juízo da 2ª Vara Criminal de Maringá (autos PIC nº 10.514.4/2010). O MP-PR sustenta que os acusados estariam envolvidos em um esquema de propinas para favorecimento na prestação de serviços públicos e privados de remoção/poda de árvores na cidade.


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário