quinta-feira, 10 de julho de 2014

PRIVATIZAÇÃO DA COLETA DO LIXO É APROVADA EM PRIMEIRA DISCUSSÃO

Em regime de urgência (entenda-se à toque de caixa) foi aprovado em primeira discussão, por 9 votos contra 5, o projeto do Executivo que autoriza a contratação de parceria público-privada para a prestação de serviços de coleta, tratamento e destinação de resíduos sólidos.
Em outras palavras a administração Pupin pretende privatizar a coleta e a destinação de lixo. Na verdade “parceria público-privada” é privatização de serviço público. Caso   o projeto seja aprovado o serviço de coleta de lixo, até então é feito pela prefeitura, passará a ser feito por uma empresa (ou empresas) privadas. E a empresa privada tem como finalidade o lucro. Adivinhe quem vai pagar pela coleta do lixo que deveria ser   feita pela administração? Você.  
Vale lembrar que em 2006 a administração tentou privatizar o Hospital Municipal e a coleta de lixo. O que só não aconteceu porque sindicatos, associações e a sociedade se mobilizaram contra as privatizações. É hora de se mobilizar novamente.


Votaram favoráveis ao projeto os vereadores: Luciano Brito, Bravin, Márcia Socreppa, Adilson do Bar, Chico Caiana, Negrão Sorriso, Dr. Sabóia, Carmen Inocente, Luis Pereira.



Votaram contrários os vereadores Mariucci, Marly Martin, Dr. Manoel, Tenente Edson e Humberto Henrique. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário