terça-feira, 9 de junho de 2015

AJUDE A SALVAR UMA VIDA

(Pincei do Agnaldo Vieira, do Maringá Manchete) 

A guarda municipal de Maringá, Gláucia Crystina dos Santos, tem uma doença rara chamada Aplasia de Medula Óssea, essa enfermidade destrói  a medula e consequentemente para  de produzir as células sanguíneas.

Gláucia toma medicação continua para estimular a produção de sangue. Nas crises ela precisa de diversas transfusões de sangue e plaquetas.

"Agora estou indo bem com a medicação mas a minha única chance de cura é um transplante e a perspectiva de encontrar um doador compatível é de 1 em 100.000, e com o baixo número de doadores essa chance fica ainda mais difícil ", emocionada comenta Gláucia.

O transplante de medula óssea é a cura não apenas para essa doença, mas também para muitas outras, com isso, a agente da Guarda Municipal de Maringá iniciou uma campanha de conscientização para o problema e para que aumente a doação de medula .

Atualmente Gláucia se encontra licenciada da GM para tratamento médico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário